Ah! Se o mundo inteiro me pudesse ouvir, tenho muito pra contar, dizer que aprendi. E na vida a gente tem que entender, que um nasce pra sofrer enquanto o outro ri. Mas quem sofre sempre tem que procurar, pelo menos vir achar razão para viver… Ver na vida algum motivo pra sonhar, ter um sonho todo azul, azul da cor do mar…
Se quiser ficar bravo, fique bravo. Não precisa guardar tudo pra você, eu me irrito as vezes também. Eu sou muito parecido com você, e sei que você precisa de alguém pra conversar. Nada que você me disser, me fará te amar menos, você sabe. Não tenha vergonha de chorar, eu enxergarei você através das lágrimas, e as enxugarei sem te julgar. Quando tudo parecer confuso e você não souber o que fazer, eu não vou deixar você se sentir sozinho. Eu vou ficar do seu lado, não vou deixar nada te machucar. Me aceite nas suas horas mais sombrias, eu tenho meu lado escuro também, eu vou saber ser sua luz.
“Love. Love until you hate. Then, learn to hate your love. Then, forgive your hate for loving it.” 
Adult World (2013)

Don’t be the monster they fear you are.

brookeeverdeen:

oscars 2013

oscars 2014

some things just never change

theme